Sindseg SC

Lucro da SulAmérica cresce 68% no 2º trimestre

10/08/2018

A SulAmérica encerrou o segundo trimestre de 2018 com lucro líquido de R$ 135,4 milhões, aumento de 68% no comparativo com o mesmo período do ano passado. No semestre, esse crescimento foi de 32,3% frente aos seis primeiros meses de 2017, totalizando R$ 276,8 milhões. As receitas operacionais também registraram alta e alcançaram a marca de R$ 5,1 bilhões no segundo trimestre deste ano, o que representa aumento de 16,7% no comparativo com o mesmo período de 2017.

“Nossos resultados apontam novamente que estamos no caminho certo de aproveitar as oportunidades de crescimento nas diferentes frentes de negócios em que atuamos, alcançando importantes ganhos de rentabilidade. Seguimos consistentes em relação à operação, com estratégia direcionada à disciplina de subscrição de riscos, gestão de capital e controle de custos e despesas. Tudo isso sem perder o foco nos nossos mais de sete milhões de segurados, que acompanham nossos esforços constantes voltados ao lançamento de produtos e serviços inovadores”, afirma o presidente da seguradora, Gabriel Portella.

No segmento de saúde e odontológico, as receitas operacionais registraram crescimento de 14,8% no segundo trimestre de 2018 em relação ao mesmo trimestre do ano anterior, chegando a R$ 3,8 bilhões. No período, todas as carteiras de planos coletivos apresentaram desempenho positivo, mantendo o ritmo dos últimos ciclos, com crescimento nas modalidades PME, odontológico e empresarial/adesão, que registraram aumento de 25,5%, 15,6% e 11,8%, respectivamente, no comparativo com o segundo trimestre de 2017. Os resultados obtidos no período reforçam a atuação da companhia no incentivo a vendas novas, expansão regional e altos índices de retenção de clientes.

Também no segundo trimestre de 2018, a carteira de planos coletivos de saúde e odonto apresentou crescimento de 8,6% na base de clientes em relação ao mesmo trimestre do ano anterior, totalizando 3,1 milhões de segurados. O aumento no número de beneficiários nos planos de saúde acompanha um cenário de emprego mais favorável no País. Segundo dados da Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS) referentes a maio de 2018, em todo o sistema são 47,3 milhões de segurados em saúde e 23 milhões em odontológico, altas de 0,1% e 5,3%, respectivamente, em relação ao mesmo período de 2017. “Os últimos dados apontam para um ciclo interessante de recuperação. Essa evolução somada à força da marca, além das inovações que temos apresentado aos nossos clientes como a plataforma Sharecare, o reembolso digital e o Médico em Casa disponíveis no aplicativo de saúde, têm contribuído para ampliar a experiência do segurado e atrair novos beneficiários”, completa Portella.

No segmento de seguros de automóveis houve a consolidação da trajetória de retomada de crescimento da carteira iniciada no segundo trimestre de 2017. As receitas operacionais registraram aumento de 25,7% no segundo trimestre de 2018 no comparativo com o mesmo período do ano anterior, alcançando R$ 910,0 milhões. Destaque para a sinistralidade que registrou redução expressiva de 7,8 pontos percentuais no primeiro semestre deste ano no comparativo com 2017, alcançando 60,4%.

A frota segurada reflete o ciclo de recuperação no contexto de mercado e totalizou 1,6 milhão de veículos neste segundo trimestre de 2018. O bom desempenho da carteira no período também está relacionado à estratégia da companhia voltada a novas ferramentas de subscrição, foco na adequação dos níveis de exposição a riscos e contínuas melhorias operacionais, além dos investimentos em tecnologia que contemplam a telemetria no aplicativo Auto.Vc.

As demais linhas de negócio da companhia acompanham os resultados positivos registrados pela empresa no período. As receitas operacionais da carteira de massificados atingiram R$ 42,8 milhões no segundo trimestre do ano, aumento de 9,3% em relação ao mesmo período de 2017. A operação de vida volta a apresentar bom desempenho e as receitas operacionais alcançam a marca dos R$ 123,4 milhões no segundo trimestre, alta de 15,6% em relação ao mesmo período do ano anterior. Já nas reservas de previdência, o aumento foi de 9,6% em relação ao mesmo período de 2017, totalizando R$ 6,6 bilhões. O segmento de capitalização fechou o trimestre com crescimento de 13,2% nas receitas operacionais no comparativo com o mesmo período do ano anterior, alcançando R$ 14 milhões.

A SulAmérica Investimentos fechou o segundo trimestre de 2018 com montante de R$ 37,6 bilhões em ativos sob gestão, aumento de 11,9% no comparativo com 2017. Os resultados acompanham os avanços do volume de ativos de terceiros, ativos próprios da seguradora e de previdência privada, que registraram alta de 10,6%, 17,9% e 9,6%, respectivamente, encerrando o segundo trimestre do ano com R$ 23 bilhões, R$ 8,1 bilhões e R$ 6,6 bilhões.

Fonte: Revista Apólice

Aniversariantes Ver todos

SindsegSC - Rua XV de Novembro, 550 - Sala 1001 - CEP 89010-901 - Blumenau/SC - (47) 3322-6067 - Fale conosco
W2O Softwares para Internet

Melhore sua experiência de navegação:

O navegador que você está usando é ultrapassado e pode estar colocando seu computador em risco!
Recomendamos que você atualize seu navegador ou faça o download de navegadores modernos como os listados abaixo: você vai sentir a diferença!

Fechar Aviso