Sindseg SC

As mensagens da Campanha VIVA

29/05/2015

A Campanha VIVA criada pelo SindsegSC – Sindicato das Seguradoras no ano de 2014 chega no dia 31 de maio ao seu 4º e último trecho. Depois de todas as mensagens de valorização à vida e dos bons momentos, analisamos os objetivos realizados em um ano de campanha e tomamos consciência da importância da educação no trânsito.

No processo de criação da campanha, a Diretoria do SindsegSC  percebeu a necessidade de se trabalhar com dois temas específicos  que vem causando muitos problemas às pessoas e a situação do trânsito em geral, o abuso do álcool e o vício à tecnologia, focando na utilização do celular na hora de dirigir.

Sobre esses dois temas foram trabalhados mensagens que realmente captariam a atenção de quem as lessem, trazendo a reflexão sobre as consequências que atos imprudentes podem trazer às nossas vidas, e a de outras pessoas.

                   

Essas mensagens foram pensadas desde o começo para atingir da melhor forma o maior número de pessoas, em um lugar onde elas iriam justamente precisar de consciência acima de tudo, que é  com as mãos no volante.

Em entrevista anterior ao Portal sobre a Campanha VIVA, o presidente do SindsegSC, Paulo Lückmann, falou sobre a  expectativa de impacto das mensagens, e que a prevenção é um fator fundamental para um trânsito consciente.

“Muitos acidentes levam vidas e deixam sequelas nos feridos e mais além, nos familiares das vítimas. Se utilizarmos medidas preventivas, rigor na fiscalização, punição dos culpados e conscientização do condutor, que se beber, não deve dirigir, e ao dirigir não usar o celular, com certeza poderemos evitar os acidentes. Claro, que não resolveremos o mundo com essas ações, mas com certeza teremos uma boa fatia de resultado positivo para sociedade”.

A campanha veiculou suas mensagens através de outdoors posicionados em BRs próximo a várias cidades do estado de Santa Catarina abrangendo boa parte da região, e realizando seu último trecho no dia 31 desse mês. Para conhecermos um pouco mais sobre os objetivos e resultados da campanha, convidamos o presidente Paulo Lückmann para um questionário sobre as mensagens que trouxeram conscientização e esperança de estarmos caminhando para um trânsito muito mais saudável e humano.

Leia abaixo a entrevista na íntegra.            

1) Quais eram os resultados esperados pela Diretoria ao criar a Campanha VIVA?

R: O principal resultado esperado era o de conscientização da população para os perigos que a imprudência no trânsito nos traz diariamente. Procuramos fazer isso chamando a atenção das pessoas com mensagens que geram impactos e que causam emoção nas pessoas, para que dessa forma, quando alguém se deparasse com nossos outdoors realmente refletisse sobre as atitudes que toma ao pegar no volante. O objetivo era ressaltar a responsabilidade com a vida daqueles que amamos e das outras pessoas que estão transitando, e que merecem segurança. Está é uma decisão coletiva, e que precisa colaboração de todos.

2) Dentro dos objetivos pretendidos, quais foram alcançados?

R: O maior objetivo alcançado foi o de trazer a reflexão às pessoas e fazê-las perceber que acidentes podem ser evitados com simples práticas que adotamos diariamente. Acidentes não acontecem por acaso, se todos tiverem consciência, respeitarem o próximo e às leis de trânsito, o número de acidentes cairá drasticamente e a consequência disso será um trânsito mais seguro para todos.

3) A Campanha VIVA é voltada para a educação no trânsito e para isso expõe mensagens que valorizam a vida com imagens emocionantes e impactantes. Qual foi a reação observada por parte da população? A campanha ganhou a devida atenção?

R: A Campanha VIVA foi trabalhada no formato educativo, focado no lado sentimental do ser humano, então é mais difícil para colocar em estatísticas. A Campanha atuou em várias cidades do estado e em pontos de tráfego intenso e tenho certeza que muitas pessoas conhecem a campanha e refletem sobre a sua intenção. O mais importante para campanhas de educação no trânsito é criar a cultura da prevenção, da atitude e da insistência, para que cada vez mais surjam campanhas de conscientização disseminando na população o hábito de pensar no trânsito de forma diferente. As pessoas precisam perceber que as ações que elas tomam diariamente tem importância, e que se essas pessoas mudarem de hábito isso fará a diferença.

 4)Que pontos trabalhados tiveram maior resistência de aceitação das pessoas?

R: Acredito que o uso do celular no trânsito tenha sido o maior desafio na hora de conscientizar sobre os seus perigos, porque a maioria não percebe o quanto isso as prejudica na hora de dirigir. Em dados do Observatório Nacional de Segurança no Trânsito, a atenção do motorista diminui cerca de 35% quando ele está utilizando o celular no trânsito. Essa é uma situação muito complicada, pois envolve o vício em uma tecnologia que desvia a atenção do condutor impossibilitando-o de reflexo imediato em caso de emergência, sem contar no fato que você dirige sem saber o que está acontecendo ao seu redor.

5) A campanha trabalha principalmente com os temas álcool e celular no trânsito. Por que a escolha desses temas?

R: A Diretoria do SindsegSC percebeu que esses são dois dos principais fatores de causas de acidentes, e que podem ser evitados se cada um fizer a sua parte. Chamando a atenção para os perigos do álcool e do uso do celular no trânsito; tocamos em práticas que podem ser erradicadas somente com o bom senso.

 6) Observando a situação do trânsito catarinense atualmente, que outros temas poderiam ser trabalhados em campanhas educacionais para melhoria do trânsito no estado?

R: As campanhas educacionais visam justamente às mudanças de hábitos pessoais para ser transmitido às outras pessoas. Há muitos temas que podemos trabalhar dentro desse sentido e que iriam contribuir positivamente, como o uso do cinto de segurança, o respeito aos limites de velocidade, a manutenção preventiva, entre outros que contribuiriam para a prevenção.

7) A Diretoria do SindsegSC sempre  esteve  preocupada com a situação de imprudência no trânsito, e sempre procurou a conscientização como o melhor remédio para esse problema. Essa é a melhor abordagem para combater as deficiências no trânsito que enfrentamos atualmente?

R: Conscientizar, aculturar, prevenir, sempre são formas indubitáveis. O ser humano precisa aprender que ser educado, gentil no trânsito, pode sim fazer parte da sua cultura. Conscientizar e educar pode ser mais gratificante ainda!

8) Segundo uma pesquisa feita pela Polícia Rodoviária Federal o número de acidentes nas estradas federais no ano de 2014 diminuiu cerca de 9,6% em relação à 2013. Na opinião da diretoria do SindsegSC, campanhas educativas como a Campanha VIVA podem ser responsáveis pela diminuição desses números?

R: Sim, com certeza, educação gera educação. As pessoas é que carregam o poder de fazer um trânsito melhor, acredito que campanhas educacionais chamam a atenção para esse fator. A Campanha VIVA trabalhou além da educação, também com as consequências dos atos imprudentes, o que mexe com o emocional das pessoas ganhando a sua atenção.

 

Dados Nacionais

Segundo dados do Portal da Saúde/DataSUS  publicados no Observatório Nacional de Segurança Viária, o número de mortes no trânsito caiu cerca de 5,6% no ano de 2013 comparado com o ano anterior. Em 2012 tinha-se registrado cerca de 44.812 mortes, contra 42.266 do ano de  2013. Em comparação a diferença é de 2.554 vidas.

A região norte ficou com a primeira posição na redução de mortes com dois Estados, Rondônia e Acre com 19% e 18% respectivamente. Santa Catarina, Rio de Janeiro e Paraná seguem com 12% de redução cada.

Fonte: SindsegSC - Sindicato das Seguradoras

 

Aniversariantes Ver todos

SindsegSC - Rua XV de Novembro, 550 - Sala 1001 - CEP 89010-901 - Blumenau/SC - (47) 3322-6067 - Fale conosco
W2O Softwares para Internet

Melhore sua experiência de navegação:

O navegador que você está usando é ultrapassado e pode estar colocando seu computador em risco!
Recomendamos que você atualize seu navegador ou faça o download de navegadores modernos como os listados abaixo: você vai sentir a diferença!

Fechar Aviso